terça-feira, 14 de janeiro de 2014

1º Curso de Treinadores Online Duplo Pivot

O Duplo Pivot tem o prazer de apresentar o seu primeiro curso de treinadores online. Em apenas um artigo, o leitor vai ser capaz de dominar a arte do desporto (sim, o curso pode ser aplicado em qualquer desporto) e será capaz de derrotar um qualquer Mourinho ou Phil Jackson. Facilmente...

Lição nº 1 - Mostra quem és


Ninguém leva um treinador a sério se nem imaginar quem ele é. Por isso, se queres ser respeitado, mostra quem és. Fá-lo com estrondo. E mostra orgulho nisso.

Lição nº 2 - Usa roupa adequada


"Quem um dia pensou em bolsos com fecho tem um lugar guardado no inferno". Usar vestuário adequado não te livra apenas do embaraço público, como pode ditar a diferença entre um bom e um mau resultado. Como ainda não descobri o porquê deste último ponto, ficamos apenas pelo embaraço público. Porque se fores envergonhado publicamente, a lição nº1 não te vai servir de nada.

Lição nº 3 - A vitória é sempre conseguida em equipa. E o treinador faz parte da equipa...


Os teus jogadores olham para ti como o seu mentor. E por isso, tu é que tens de lhes mostrar como se faz. Eles confiam em ti e esperam que sejas tu a mostrar o caminho. Assim sendo, mostra.

Lição nº 4 - Nada como demonstrar


Tal como demonstrado na lição 4, a melhor maneira de mostrar aos jogadores como se deve fazer algo, é seres tu a fazê-lo. Os treinos de pontaria não precisam de ser uma seca. Se pelo meio, houver a possibilidade de irritar um adepto, melhor ainda!

Lição nº 5 - A tática mais eficaz é a mais simples


Muitos treinadores criam autênticas jogadas de antologia, com passes e desmarcações fantásticos e constante movimento. O problema chega quando se tem de passar da teoria à prática. E é aí que os melhores treinadores se diferenciam. Para quê pedir um extra passe, quando a solução está num simples "chuta!" ou "lança!"?

Lição nº 6 - Mostra os teus sentimentos


Para um jogador, não há nada melhor que a reação do seu treinador a uma fantástica jogada. Por isso, não tenhas medo de te deliciar com aquilo que os teus jogadores fazem em campo. Até porque, muito provavelmente, foste tu que lhes ensinaste o que eles acabaram de fazer. É como deliciares-te contigo mesmo. E não há problema nenhum em ter orgulho no que se faz...

Lição nº 7 - O árbitro é teu inimigo


Ponto assente: toda a gente que não está no teu treino durante a semana, é teu inimigo. Por isso não te enganes, a corrupção existe e um árbitro vai-te aldrabar muitas vezes. E por vezes, vai-te saltar a tampa. A capacidade de reagir com indiferença quando nos estão a tratar mal define o carácter de um homem. Mas não reagir também faz de ti um maricas. Por isso reage. Mostra que tens algo entre as pernas (não literalmente, como é óbvio).

Lição nº 8 - Os teus adjuntos querem o teu lugar


Claro, os teus adjuntos parecem as pessoas mais simpáticas do mundo. Mas podemos garantir: eles só querem ocupar o teu lugar, roubar-te a fama (e quem sabe, a tua mulher). Não tenhas problemas em tratá-los abaixo de cão e mostrar-lhes quem manda. "Porque a cada mão que te estendem, eles têm sempre duas prontas para te esfaquear as costas." - analfabeto do 4º esquerdo do meu prédio.

Lição nº 9 - Festeja sempre que puderes


Uma vitória vem do trabalho de toda a equipa e é sempre aconselhável festejá-la. No campo do adversário é ainda melhor. E não tenhas medo em fingir que foste tu que ganhaste aquilo sozinho. Até porque foste. Tivessem os cones a capacidade do movimento, e tu podias pô-los a jogar que ganhavas na mesma. Desde que não o digas à imprensa e aos teus jogadores, tudo bem. É que, sabes, eles têm sentimentos...

Depois destas 9 lições, podes finalmente considerar-te um treinador. A tua mãe há-de ficar orgulhosa. Segue estes 9 ensinamentos e no fim da tua vida podes dar uma conferência de imprensa e dizer apenas "Sir Alex who??". O pior que te pode acontecer é acharem que disseste isso por seres velho...

* como é óbvio, esta é uma obra ficcional e não dá equivalência ao curso de treinador. Esse custa dinheiro, mas as ideias são basicamente as mesmas...

2 comentário(s):

Gabriel JP disse...

Fosasse, mais um óptimo post do Jotas! Muito bom!

15 de janeiro de 2014 às 12:41
Marcelo Beirão disse...

Ai Ai.Estwme jota ta um craque.OMG.Pareces o Paim.kkkkk

15 de janeiro de 2014 às 23:13

Enviar um comentário

 
DUPLO PIVOT | by TNB ©2010